9 maio, 2019

Economista Reis Velloso é homenageado no 31º Fórum Nacional

Economista Reis Velloso é homenageado no Fórum Nacional

Crédito: Christina Bocayuva

Economista Reis Velloso é homenageado no Fórum Nacional

O economista e ex-ministro do Planejamento João Paulo dos Reis Velloso, falecido em fevereiro deste ano, foi o grande homenageado na abertura do 31º Fórum Nacional, hoje (9/5), no Rio de Janeiro, evento que ele tradicionalmente presidia e que conta com o patrocínio da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

Com testemunhos de diversas figuras de destaque na economia e na política, a homenagem destacou a trajetória de um dos mais influentes formuladores do pensamento econômico e das políticas públicas do País.

Estiveram presentes o governador Wellington Dias, do Piauí – estado natal de João Paulo –, o secretário especial da Previdência, Rogério Marinho e o presidente do BNDES, Joaquim Levy, que integraram também o primeiro painel do Fórum, que tratou da Reforma da Previdência e teve a mediação de Raul Velloso, irmão de João Paulo.

Em depoimento gravado em vídeo, o consultor Econômico da Presidência da CNC, Ernane Galvêas, lembrou a relação de amizade que manteve durante muitos anos com João Paulo, desde os tempos de Banco do Brasil. “Eu considerava o João Paulo um irmão. Trabalhamos e estudamos juntos. Eu também me considerava responsável pelo princípio de sua carreira profissional. Ele foi um brasileiro da melhor qualidade, só pensava no benefício do Brasil, da sociedade brasileira. Trabalhou para o Brasil com uma intensidade incrível, inclusive com a criação do Fórum Nacional. Devo ao Velloso muita coisa, muita troca de experiência e a grande amizade que nós construímos”, disse Galvêas na mensagem de vídeo exibida no Fórum.

O Fórum Nacional

É a associação dos principais economistas, sociólogos e cientistas políticos do país, iniciada em 1988 com a finalidade de oferecer propostas concretas para a modernização da sociedade brasileira. Em 1991, o Fórum Nacional foi formalizado e adquiriu permanência, com a criação do Instituto Nacional de Altos Estudos – INAE, sociedade civil sem fins lucrativos. Está em sua 31ª edição e se tornou um dos mais influentes e tradicionais espaços de discussão do Brasil.

Comentários

0

Os comentários serão moderados, portanto evite o uso de palavras chulas, termos ofensivos ou comunicação vulgar. Se tiver alguma dúvida sobre o tema abordado aqui, use a nossa Área de Atendimento. Talvez a resposta já esteja lá.

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.